PROCURANDO ALGO?

Mudanças Facebook e ameaça sem fim e a ressureição dos sites

Data: 29 de junho de 2016
Autor: Ediney Giordani

Sim, meus caros, já falei sobre o assunto por aqui, mas parece que agora vai, a ameaça é real, e não tem jeito: você terá que profissionalizar a sua comunicação seja pelo bem, seja pelo mal. Mas o que é o mal? Explico, já que enrolei no primeiro parágrafo e não falei nada, mas falaremos sobre as mudanças no Facebook e a ressureição dos sites.

Assim, o Facebook há tempos vem baixando o alcance das páginas, desde que foi lançado quando era 100% ou seja, a cada 100 curtidores da sua página, 100 pessoas viam as suas postagens, veio descendo, descendo, descendo até que chegou aos “queridos” 1,5% atualmente, e pode piorar, chegará a 0%. WTF? Sim, isso mesmo, 0%.

Na última semana o algoritmo da rede intensificou a campanha com seus usuários perguntando a eles o que eles querem ver, e quando você acha que as páginas ganharão do seu bebê cut, cut, do cachorro sorrindo ou do gato preguiçoso? Nunca, ou vá lá, quase nunca! Então a regra, ou melhor, o comportamento que o Facebook espera de seus usuários é o seguinte:

Estou  no Facebook, me deu uma vontade louca de comprar um celular novo, o que faço, vou no Google? Não. O Facebook quer que você vá até o recente campo de busca deles, digite a marca de sua preferência, encontre a página oficial de sua preferência e compre o celular do desejo. Vai funcionar assim? Pouco provável, não está em nosso DNA, não fazemos assim, talvez a próxima geração, mas não a nossa.

O que fazer, Ediney? Me ajude…

Ajudo, ou melhor, se ajude… Primeiro profissionalize sua comunicação, se o Facebook estiver certo, você terá que ter uma fanpage maravilhosa, layouts lindos, fotos chamativas, e produtos disponíveis, tudo maravilhoso. Se o Facebook estiver errado ( e eu certo) o seu site é que terá que dar conta do recado. Ser responsivo, ter um SEO maravilhoso para ser encontrado no Google e claro, ter os produtos disponíveis para a compra.

De um jeito ou de outro, a sua comunicação terá que ser perfeita e ajustada sob pena de perder vendas, e perder vendas é perder dinheiro. Ninguém gosta.

E os anúncios, Ediney?

O que tem? Claro que você já está investindo em anúncio. Não? Pare de perder tempo, e comece anunciar já! Quanto? Depende de cada caso, não tem receita de bolo, mercearia investe 10, açougue 20, não. Tem que estudar o cliente, o público alvo e target marketing para se chegar a esta conclusão. Não invente moda e só chame o sobrinho se ele for profissional, ou, siga perdendo dinheiro.

Comentários Facebook