PROCURANDO ALGO?

Combate à Procrastinação

checklist

Procrastinação é um problema que todo o profissional moderno enfrenta em sua busca pelo aperfeiçoamento. Nós sabemos que deveríamos estar fazendo algo, mas no entanto deixamos esse algo para fazer depois. Facebook, notícias, emails, etc.

Por exemplo: enquanto eu estava preparando esse material para vocês, surgiu na minha cabeça vários impulsos: dar uma olhadinha no Facebook, checar meu Twitter, tomar um café, checar meu email, etc. Vamos chamar essas pequenas distrações de “tarefinhas”. O que problema tem em ficar fazendo tarefinhas? Nenhum! Mas torna-se um ciclo interminável. É fácil passar o dia inteiro pulando de uma tarefinha pra outra, e você acaba deixando de lado o que tem que fazer para ficar preso na procrastinação eterna.

E por que fazemos isso? Porque o ser humano normalmente considera que fazer algo importante é desconfortável. Difícil, desconhecido, sair da zona de conforto. É a nossa natureza. Tendemos a nos distrair fazendo coisas que nos deixam mais confortáveis. Porém, o que nos torna melhores é aprender, mudar para melhor, enfrentar o desconhecido e nos adaptar a novas situações. 🙂

E como mudar? Após ir atrás de informação, eu aprendi uma técnica em um livro chamado “52 Changes”, de um autor que eu gosto muito, Leo Babauta.

Técnica:

  • Definir um tempo do dia pra ser a hora da “Desprocrastinação”, vamos dar um nome mais simpático, hora da “Produtividade”. Como toda mudança que queremos que pegue, devemos começar devagar, podemos tentar fazer isso em 1 semana. 5 minutos nos dias 1 e 2, e 10 minutos no dia 3 ao 7. Não precisa ser no trabalho, pode ser em qualquer momento.
  • Antes de começar, selecione uma tarefa. Apenas uma. Escolha, solte o cronômetro e realize essa tarefa no tempo determinado (5 ou 10 minutos).
  • Tire todas as distrações, feche as abas do navegador, ligue uma música e foca! Faça isso antes de começar a tarefa.
  • Quando começar o timer, se concentre apenas em COMEÇAR. Nada mais no MUNDO importa.
  • Quando chegar aquela vontade de pegar o celular ou fazer algo mais confortável, pare. Não faça nada, apenas observe essa vontade. É normal ter essa vontade. Mas é preciso aprender que essa vontade não irá te controlar. Observe a vontade, respire e volta à sua tarefa.
  • Repita o processo quantas vezes for necessário.
  • Aproveite o processo. Aproveite a tarefa e curta o que você está fazendo.

No final dos 5 ou 10 minutos, pare a faça alguma coisa que te deixe confortável. Se você acha que está pronto pra repetir esse processo mais vezes ao dia, fique à vontade. Se você praticar em tornar-se mais confortável com esse processo, você irá procrastinar cada vez menos. Não é fácil, mas como todo hábito que pega, devemos começar devagar, insistir e nunca desistir.

Em breve, farei uma indicação de um aplicativo bem bacana que me ajuda bastante a gerenciar essas tarefas. Até logo!

Comentários Facebook

 

VOLTAR

Por Boby Vendramin
em dentro de:
Produtividade