PROCURANDO ALGO?

Das Páginas Amarelas ao Google, como apresentar a sua empresa?

Data: 21 de setembro de 2015
Autor: KAKOI

8 passos para levar a sua empresa ao sucesso do marketing digital!

Há alguns anos, quando você caminhava para abrir um negócio, o primeiro passo era solicitar ou entrar na fila para a compra de uma linha telefônica, o segundo passo, mas não menos importante era comprar um espaço para divulgar o seu negócio nas páginas da lista telefônica, ou simplesmente nas “Páginas Amarelas”, como ficou mais conhecida em muitas cidades e países.

E por que isso acontecia? Porque era na lista telefônica que as pessoas buscavam o telefone de uma pessoa, por serviços comuns como: o contato de um marceneiro, o telefone do dentista, da oficina mecânica, ou até mesmo o número de um restaurante para a reserva de mesa.

A lista telefônica se tornou um bem tão valioso que estar nela, para empresários era obrigação, para alguns até símbolo de status e garantir o nobre espaço era tão difícil que os que o conquistavam, compravam o direito de exposição da marca por anos a fio.

O mundo mudou e com o crescimento da internet, a lista telefônica perdeu espaço. O hábito dos consumidores aos poucos foi mudando. Percebendo a mudança dos costumes, as companhias telefônicas lançaram o número de consulta sobre cobrança, em Curitiba por exemplo, era só discar 102 e logo a telefonista fazia a busca e passava o número do telefone desejado pelo cliente, serviço que era cobrado na sua próxima conta telefônica.

Hoje, já não existe mais lista telefônica nas grandes cidades, é um artigo de museu, muito menos a consulta do número pelo telefone. O Google virou o consultor para dúvidas frequentes, de qual a pizzaria mais próxima da minha casa, receitas de bolo, como retirar cola de vidro, dicas de bons médicos, e toda e qualquer dúvida que possa surgir na cabeça do usuário. Por mais que algumas informações não sejam precisas, ele o faz sem cobrar um único centavo do usuário,e com isso dominou esse mercado.

Mas como o empresário hoje pode destacar a sua empresa na internet? O trabalho é menos simples do que já foi, não basta apenas uma ação, de comprar o espaço nas Páginas Amarelas, mas criar uma estratégia pautada em uma série de ações.

A estratégia deve ser a seguinte: criar o interesse do usuário no seu negócio, abrir um canal de relacionamento com clientes (de interesse comum), sem esquecer de alinhá-lo com o que o cliente está procurando. Importante que o site da empresa seja o pano de fundo para tudo isso. O caminho de sucesso está em investir em marketing digital.

Acompanhe abaixo 8 ações que você deve utilizar para ganhar destaque na “Páginas Amarelas” do presente e futuro:

Site: É importante ter um site responsivo, que permita que as informações da empresa sejam apresentadas de uma forma adaptável e automática em: smartphones, tablets e desktops. Para potencializar a visita de novos usuários e dar suporte as redes sociais é importante ter uma área de blogs e notícias. Lembre-se o Google não mostra mais para os mobiles resultados de sites que não atendam estas características.

Redes Sociais: O principal objetivo das redes sociais para a empresa é gerar relacionamento. O Marketing 2.0 e principalmente o 3.0 reforça que as empresas do futuro serão as que mais conhecem os seus clientes, e para isso Facebook, Twitter, Google Plus, Instagran e Linkedin, são boas ferramentas para que a empresa se comunique com seu consumidor ou prospect. A interação e distribuição de conteúdo relevante usando a sua própria rede de contatos faz com que a sua empresa ganhe destaque nos temas que para ela sejam relevantes.

Marketing de Busca (Google Orgânico): SEO (Search Engine Optimization), otimização do site, são ações estratégicas utilizadas para fazer um site aparecer bem posicionado no Google. Aqui é importante entender como o seu futuro cliente está procurando na internet, e utilizar estas palavras de busca como palavras chaves do seu site. A meta da sua empresa é estar nos 5 primeiros links da primeira página do Google, com o tema e local alinhado com a proposta da empresa.

Conteúdo Frequente: Ter um novo conteúdo diariamente no seu site pode torná-lo mais relevante para o Google e principalmente par o público é e essencial para trazer novos usuários. Mantendo sempre próximo o contato com clientes que gostam do trabalho da sua empresa. Para fazer este conteúdo frequente o site deve ser a base, é nele que você pode mapear os acessos e medir quais das ferramentas está trazendo mais retorno, mas o conteúdo também será utilizada nas redes sociais e newsletters semanal.

Google Adwords ou Facebook Ads (Links Patrocinados): Estes são os anúncios para o Google e Facebook, que conhecemos como anúncios pagos. Servem para alavancar as visitas no site, ampliar seguidores e aumentar o número de curtidas e compartilhamentos nas redes sociais da empresa, criando um importante canal para divulgar produtos e serviços.

Newsletter: Ter um contato semanal com o cliente é importante para manter relacionamento. Uma comunicação por e-mail para os contatos da empresa, oferecendo conteúdo sobre as áreas que a empresa atua e interesse do cliente, mas o objetivo é gerar relacionamento e criar vínculos com o leitor, aumentando a credibilidade da empresa e da marca.

E-mail Marketing: São peças para a venda de serviços e produtos, para um mailing específico a estes envios ou mailings de parceiros. O foco destas peças é vender para atuais ou novos clientes, por isto é importante dar destaque para o ganho que o cliente terá.

Monitorar os acessos: Google Analytics é uma das muitas ferramentas para acompanhar o tráfego do site, que será o centralizador de todas as ações, é nele que você pode acompanhar as conversões de acessos em vendas.

Para montar uma estratégia digital de sucesso em sua empresa, o importante é conectar as ações, saber o motivo pelo qual cada uma das ações está sendo desenvolvida, e qual a espectativa de retrono desejada em cada uma delas. Saber o retorno sobre cada uma delas ajuda a monitorar e ajustar resultados, juntamente com o que pode ser potencializado para atrair novos clientes ou negócios.

Por isso, hoje ter um site eficiente é obrigação! Mas só um site bonito não garante acessos e muito menos novos negócios, é fundamental pensar na estratégia como um todo.

Comentários Facebook

 

VOLTAR