PROCURANDO ALGO?

Dilma, Aécio e Marina: como estão os candidatos à Presidência do Brasil nas Redes Sociais?

Data: 25 de agosto de 2014
Autor: Aroldo Glomb Jr.

candidatos

Dilma Rousseff (PT), Aécio Neves (PSDB) e Marina Silva (PSB) são as três forças indiscutíveis na corrida pela Presidência da República do Brasil e eles (e suas equipes de campanha) sabem muito bem que as redes sociais podem ser a chave para uma arrancada fenomenal ou para uma estagnação mortífera.

A kakoi Comunicação resolveu analisar essas três forças para saber, do ponto de vista das redes sociais, como eles estão. Foram analisados detalhes como aparência das redes, como está a interatividade, quais são as propostas e as linhas que seguem os candidatos, número de seguidores e outros dados que podem nos fornecer um termômetro de como anda a “guerra” pelo voto e pela confiança dos internautas.

Para a análise foi usado um dia completo, com informações colhidas no dia 21 de agosto de 2014 pela parte da manhã (09 horas, mais precisamente).
Vamos aos resultados?

dilma_materiaDilma Rousseff (PT)
Facebook (940.896 curtidas)
Usa um visual limpo e calcado nas principais cores da bandeira do país (verde e amarelo), deixando vermelho, famosa cor do partido, para algumas peças preparadas para as redes sociais. A famosa estrela do PT está estilizada na letra “I” do nome da candidata e o verde e amarelo dominam o visual.

A maioria das mensagens dos internautas, em todas as postagens, são de apoio e não são vistos ataques diretos nas respostas. Mesmo com um volume grande de participação, não há interatividade por parte da equipe de social media da candidata nas postagens, mas é bem fácil o acesso para o site da campanha.

Não aparece nada nos eventos futuros (comícios, etc).

Dilma segue o caminho natural de uma candidata que está no cargo que tenta a reeleição, ou seja, ressalta programas do Governo Federal, suas ações reforça a trajetória da candidata.

Nas 24 horas analisadas a página publicou 11 vezes, sendo:
– Uma divulgação do programa da candidata na rádio;
– Quatro vídeos que mostram detalhes da carreira da candidata, sendo um deles no estilo “conheça melhor a candidata” e outro sobre o otimismo dos Brasileiros perante a crise internacional;
– Uma foto da campanha #VOTODILMAIS, campanha em que internautas mandam fotos mostrando o seu apoio;
– Quaro peças próprias de Facebook, sendo uma agradecendo as (então) 940 mil curtidas, outra apresentando números do Governo Federal no estado de Minas Gerais, reduto do seu opositor Aécio Neves, do PSDB; uma peça sobre alunos inscritos no PRONATEC e uma quarta arte afirmando que os brasileiros estão confiantes na economia;
– Uma postagem que apresenta 13 previsões pessimistas equivocadas, na visão do partido, sobre o Brasil.

A peça com mais sucesso dentre todas estas foi, com 2.604 compartilhamentos, o vídeo que mostra a trajetória da candidata.

grafico1

Outras redes sociais
No Twitter, são 2.186 twittadas, ela está seguindo 336 perfis e é seguida por 2,71 milhões.

Veredito da equipe de Social Media da kakoi
A Social Media da kakoi, Soraya Renfro, percebe que a candidata Dilma Rousseff está apostando em peças que citam as melhorias do país durante o seu governo e sente falta do uso do Google+ na campanha, que pode prejudicar na indexação do material da campanha.

Soraya entende também que o uso do Twitter apenas para replicar o que é postado pelo Facebook é outro erro de estratégia, já que cada veículo tem sua linguagem própria.

aecio_materiaAécio Neves (PSDB)
Facebook (1.169.877 curtidas)
Usa bem menos cores nas peças (quase nada em comparação com Dilma) e prioriza muito as fotos de campanha, ao lado das pessoas.

Naturalmente, e pela história política recente, o Tucano usa muito a questão da mudança em suas postagens, porém não ataca diretamente ninguém. Na página é possível ter acesso ao Instagram @aecionevesoficial, ao app “Eu Voto no Aécio” (para as pessoas colocarem suas fotos de Facebook em uma moldura), ao Twitter @aecioneves e ao site da campanha.

Também não há eventos futuros, mas a equipe de Social Media é a mais atuante das que analisamos, pois respondem e interagem bastante nas postagens.

Nas 24 horas analisadas foram 6 postagens, sendo:

-Um vídeo de boas vindas para quem chega na página;
– Uma arte chamando para a presença do candidato no Projeto Mulheres de Peito, em São Paulo;
– Uma galeria com quatro fotos do projeto Mulheres de Peito mostrando o candidato ao lado de eleitores;
– Uma foto mostrando o candidato ao lado de lideranças sindicais em São Paulo;
– Um vídeo sobre a campanha muda Brasil (#Muda Brasil);
– Uma peça chamando para o app e que as pessoas colocam a sua foto de perfil dentro de uma moldura dizendo Eu Voto no Aécio, com a logo Aécio 45 na parte inferior

Com 2.271 compartilhamentos, o APP para mudar a foto do perfil foi a peça que mais fez sucesso nas últimas 24 horas.

grafico2

Outras redes sociais
No Twitter, @AecioNeves possui 255 twitadas, está seguindo 35 e possui 68 mil seguidores. Basicamente replica o conteúdo do Face.
No Google+, possui 69.442 seguidores e replica o que é postado no Face. É o único dos três candidatos analisados que usa esta plataforma;
No Instagram, são 438 postagens, 46,643 seguidores e seguindo zero pessoas. A capa do Instagram do candidato mostra muitas fotos de família, em destaque as que aparece o seu filho recém-nascido.

Veredito da equipe de Social Media da kakoi
Sobre Aécio Neves, Soraya Renfro entende que ele está se aproximando mais do público da Internet. Para a Social Media, Aécio parece perceber o quão importante é a interatividade com os internautas. “Sem dúvida, é o candidato que transmite a maior simpatia, agradecendo o comentário de cada um” explica Soraya.

Outra vantagem apontada pela especialista é o uso do Google+ por parte do candidato, fator ignorado por parte das concorrentes direto.

marina_novoMarina Silva (PSB)

Facebook (1.225.531 curtidas)
O apelo da candidata Marina Silva é, como muitos previam, o legado de Eduardo Campos, falecido em um acidente aéreo. A famosa frase de Campos “Não Vamos Desistir do Brasil” domina a foto principal da página com a candiada, que foi registrada durante um discurso. Na foto do perfil, uma imagem mais limpa, sem legendas.

A equipe de Social Media não demonstra muita interatividade e não há eventos futuros na página. Porém, como a candidatura de Marina Silva veio após uma tragédia, já é de se esperar que a página ainda não esteja em ritmo de campanha como as dos demais candidatos. Mesmo assim, da página é possível seguir para a página oficial da campanha, ao Twitter @silva_marina, instagram @_marinasilva_ e site pessoal da candidata.

Por ter entrado recentemente na campanha e por ter o apelo emocional da morte inesperada de Eduardo Campos, que deve ter deixado muitos herdeiros para a candidata), é cedo ainda para analisar como está a campanha de Marina, porém é certo que a equipe de Social Media terá que se adaptar – e muito rápido – com toda a situação.

Este fator surpresa da candidatura de Marina, por ser bem recente, prejudica de certa forma uma análise mais completa das redes da candidata.

Nas 24 horas analisadas foram três peças, sendo:
– Um link ao vivo para a coletiva de imprensa do partido, quando ela conversa sobre a sua campanha;
– Repetição do link acima, chamando para a mesma coletiva, porém logo após o evento;
– Alteração da foto da capa, com a entrada dela na campanha eleitoral em definitivo.

Dessas postagens, a adequação da foto da capa teve o maior número de compartilhamentos, 11.310. O detalhe é que a última postagem antes destas aconteceu no dia 13 de agosto, justamente em uma carta aberta sobre o falecimento de Eduardo Campos.

grafico3

Outras redes sociais
No Twitter, não replicou duas vezes o conteúdo do Facebook. No geral, desde o início, o perfil conta com 5.213 “twittadas”, está seguindo 451 perfis e é seguida por 905 mil pessoas.
No Instagram, Marina Silva já postou 192 vezes, possui 15.225 seguidores e é segue 36 perfis. Nenhuma publicação recente até o momento.

Veredito da equipe de Social Media da kakoi
Para a nossa social media Soraya Renfro, Marina Silva está começando a sua campanha eleitoral apenas agora, usando um tom mais emocional e mantendo a frase já conhecida do candidato falecido Eduardo Campos: “Não vamos desistir do Brasil”. Para a Social Media da kakoi, não é possível analisar as redes da candidata da mesma forma que seus concorrentes, pois ainda não há uma identidade estabelecida.

1 Comentário

Deixe o seu comentário!

 

VOLTAR