PROCURANDO ALGO?

Figurinha repetida nunca mais! Nova ferramenta do Facebook limpa vestígios do ex na rede

Data: 16 de abril de 2016
Autor: Aroldo Glomb Jr.

Todo término de relacionamento é traumático, pelo menos para uma das partes. Esse momento crítico é superdelicado e deixa muita gente ‘na sofrência’ por alguns dias, ainda mais quando abrimos o Facebook e nos deparamos com inúmeras lembranças como fotos de viagens e conversas carinhosas.

Para evitar toda essa tristeza, o Facebook criou o ‘Fluxo de Término‘, uma ferramenta que, quando ativada, não deixa mais você ver fotos com o ex, marcações de amigos com ele e nem mesmo o chat. A ferramenta está disponível para teste nos Estados Unidos desde novembro de 2015 e, por enquanto, somente para celulares.

O projeto ainda tem a intenção de, no futuro, criar um mecanismo para diminuir a vigilância digital, com o intuito de evitar perseguições e relacionamentos obsessivos. Mas, enquanto a ferramenta não está disponível por aqui, você sabe qual a melhor forma de lidar com isso nas redes sociais?

Uma das principais recomendações dos especialistas para superar o fim de um relacionamento é mudar os hábitos do dia a dia e eliminar objetos que lembram o ex-parceiro. Por isso, se você pretende se recuperar logo e buscar a felicidade em outra relação, nada de ficar se apegando às lembranças do passado. Para esquecer de vez a vida que tinha com ele, jogue fora fotografias, recadinhos, apague e-mails e, principalmente, não fique vasculhando a vida dele nas redes sociais.

E olha que isso já foi até comprovado por uma pesquisa! Um estudo concluiu que usar o Facebook para ficar de olho nele pode atrasar a sua recuperação emocional e o crescimento pessoal depois de um término.

A pesquisa foi feita pela psicóloga Tara C. Marshall, da Universidade de Brunel, na Inglaterra, que entrevistou 464 mulheres (a maioria em idade universitária). Elas responderam à perguntas como “com que frequência você checa a página do seu ex?” e “com que frequência olha para a atualização da lista de amigos dele?”, comentaram também sobre o estresse causado pelo rompimento e avaliaram o desejo sexual e sentimentos negativos que tinham em relação ao ex. Além disso, falaram também quais as mudanças que o fim da relação trouxe à vida delas e quais vontades desenvolveram depois disso.

Com os resultados, a pesquisadora observou que aquelas que vigiavam o ex pelo Facebook tinham mais dificuldade de superar o fim da relação. Portanto, evitar procurar pelo seu ex na internet pode ser o melhor remédio para curar um coração partido.

No entanto, para algumas pessoas, excluir o ex do Facebook pode não ser a melhor solução, já que o estudo também sugere que, em alguns casos, manter o mínimo de proximidade pode eliminar mais fácil o desejo que restou. “Perder totalmente o contato com um ex pode, algumas vezes, deixar um ar místico na relação, por isso, ter notícias eventuais pode também ajudar a superar a separação”, explicou a psicóloga.

Saiu lá no Bonde!

Comentários Facebook