PROCURANDO ALGO?

Richa, Gleisi e Requião: como estão os candidatos ao governo do Estado do Paraná nas Redes Sociais?

Data: 29 de agosto de 2014
Autor: Aroldo Glomb Jr.

candidatos_paranáGleisi Hoffmann (PT), Roberto Requião (PMDB) e Beto Richa (PSDB) são as três forças indiscutíveis na corrida pelo governo do Estado do Paraná e as redes sociais podem fazer toda a diferença na hora de divulgar dados, fotos e planos de governos.

Da mesma forma em que foram analisados os candidatos à Presidência da República, a kakoi Comunicação deu uma passada nas redes sociais dos três principais candidatos ao cargo máximo do Paraná.

Foram analisados como eles estão nas redes sociais, sua aparência, a interatividade, quais são as propostas e as linhas que seguem os candidatos, número de seguidores e outros dados que podem nos fornecer um termômetro de como anda a “guerra” pelo voto e pela confiança dos internautas.

Como base, foram coletados dados no dia 27 de agosto de 2014, precisamente ao meio dia, analisando as últimas 24 horas de campanha pelas redes sociais.

O resultado você confere aqui!

BetoRichaBeto Richa (PSDB)
Facebook (127.768 curtidas)
O atua Governador do Paraná usa na sua foto de perfil da página a moldura #EuAcredito e, na foto da capa, uma montagem com imagens de campanha distribuída em quadrantes coloridos com a mensagem #ParanáQueAcredita bem grande ao centro. Mesmo assim, o azul (cor característica do partido de Richa) predomina dentre as demais.

Chama atenção o fato de que a equipe de social media de Richa é bem ativa e responde constantemente as indagações e agradece as mensagens de apoio que recebe. As outras redes estão com fácil acesso na página, assim como o site do candidato.

O conteúdo dentro do período analisado, que veremos a seguir mais detalhadamente, priorizou chamar a atenção do candidato Aécio Neves (PSDB) para o debate dos candidatos à Presidência da República na Bandeirantes e em mostrar algumas realizações do Governo de Richa. Dentro do conceito do candidato, tudo indica que ele seguirá apresentando o que foi realizado durante o mandato.

Foram seis postagens no Facebook no período analisado, sendo:
– Uma peça sobre a revitalização de uma rua em Iguaraçu, município do Paraná;
– Vídeo sobre o número recorde de empresas que foram atraídas para o Estado;
– Peça compartilhada do perfil do candidato à Presidência da República pelo mesmo partido, Aécio Neves, com uma frase retirada do debate realizado pelo cana Bandeirantes, na noite anterior;
– Peça com uma frase de efeito de Beto Richa com #Sou45;
– Duas fotos, sendo uma com representantes da Federação de Agricultura do Paraná e outra com integrantes da Igreja Bola de Neve de Curitiba;
– Outra peça compartilhada do perfil do candidato à Presidência da República pelo mesmo partido, Aécio Neves, chamando para o debate no canal Bandeirantes, que seria logo mais pela noite.

Justamente uma peça compartilhada de ouro candidato foi a que mais obteve sucesso. A frase de Aécio Neves entre aspas alcançou 2.096 pessoas curtiram isso.

richa

Outras redes sociais
– Instagram (1,413 postagens, com 4,561 seguidores e seguindo 1,094 perfis)
Foram cinco postagens no período analisado, praticamente replicando o que é postado via Face.
– Twitter (13 mil twittadas, seguindo 3.124 pessoas e com 53,5 mil seguidores)
Foram 23 publicações no período analisado. É bem ativo e responde sempre que indagado. Apoia outros candidatos do partido, como Francischini.
– Youtube (233 inscritos)
Foram nove postagens no período analisado., a maioria de vídeos que são usados durante a campanha. Está lá o vídeo “Atração de empresas e investimentos” e alguns outros mais curtos, com populares declarando o apoio ao candidato.
– Google+ (22 seguidores)
Foram seis postagens no período analisado. Peças de campanha e vídeos seguem a tendência de replicar o que é postado via Facebook.

Opinião da equipe de Social Media da kakoi
De acordo com a social media da kakoi Comunicação, Soraya Renfro, o candidato possui boa interatividade entre os internautas, respondendo e agradecendo cada comentário. Contudo, a social media aponta que ele fez menos publicações próprias, compartilhando conteúdo do presidente da sua chapa, Aécio Neves.

“Acredito que deveria ter mais publicações sobre as realizações dele como governador do Paraná. Por que os eleitores deveriam reelegê-lo? O destaque do Beto Richa está no instagram. Possui o maior número de seguidores, muitas postagens. É uma das redes sociais que eu considero o público mais fiel”.

gleisiGleisi Hoffmann (PT)
Facebook (113.839 curtidas)
Gleisi Hoffmann vai por uma linha mais diferente do que a adotada pelo candidato tucano. A página apresenta no destaque na foto da página o site da candidata (gleisi13.com.br) e uma foto com uma pessoa mais jovem, tudo com cores vibrantes – mas sem o uso do tradicional vermelho do PT. Mesmo com o site em destaque, o visual não é poluído e não cansa a visão. A foto do perfil segue com as tonalidades usadas no topo da página.

Os aplicativos para outras redes sociais estão visíveis e é possível navegar nas outras redes sociais sem problema algum. Integração total com todas as redes. A equipe de Social Media responde prontamente ao que é publicado pelos internautas, seja para agradecer elogios ou responder alguma solicitação.

O destaque fica para as artes criadas para o Face. Entre uma foto e uma agenda do dia (veremos a lista completa adiante), no período analisado não encontramos peças compartilhadas de outros candidatos. O trabalho de arte (as cores, o design, etc) não agride aos olhos.

Foram seis postagens no Facebook no período analisado, sendo:
– Duas fotos dentro da agenda da candidata (mostrada diariamente com #agenda) com Gleisi em Contenda;
– Uma foto na Cúria Metropolitana de Curitiba ao lado do prefeito de Curitiba, Gustavo Fruet, do bispo de Curitiba, Dom Rafael Biernaski, do candidato ao Senado, Ricardo Gomyde;
– Uma peça parabenizando o aniversário da cidade de Candói;
– Uma peça sobre o projeto de educação em tempo integral, da plataforma da candidata;
– Outra peça sobre educação, agora com uma declaração da candidata entre aspas sobre o que ela acredita ser novos tempos das escolas;
– Duas fotos (#agenda) com a candidata em Piraquara.

As imagens tiradas em Piraquara foram as que tiveram um desempenho melhor dentre todas as publicações (1.144 pessoas curtiram)

gleisi

Outras redes sociais
– Instagram (208 postagens, 755 seguidores e seguindo 73 perfis)
Foram três postagens no período analisado, mesclando material próprio para a rede social (uma foto da participação em uma rádio de Curitiba) e algumas fotos do Face.
– Twitter (7.438 twittadas, seguindo 620 pessoas e seguida por 52 mil)
Foram quatorze no período analisado, com material próprio para a rede social e materiais do Face.
– Google+ (1.240 seguidores e 9.979 visualizações)
Foram doze atualizações no período analisado. É a candidata que mais usa esta rede social.
– Youtube (423 inscritos)
Foram oito publicações no período analisado, todas voltadas para a campanha.

Opinião da equipe de Social Media da kakoi
De acordo com a social media da kakoi Comunicação, Soraya Renfro,
a “menina dos olhos” nas redes sociais da Gleisi é, sem dúvida, o Facebook.

“Muito bem estruturado, inúmeras peças com identidade visual da candidata e interatividade instantânea. As peças de aniversário de cidades e acontecimentos são um diferencial, pois além de trazer engajamento para página, também aumenta o carisma de Gleisi. É importante ter conteúdos diferentes do que só bater na mesma tecla do: Vote X, vote diferente, mude! O internauta quer muito mais que isso” explicou Soraya.

RequiãoRoberto Requião (PMDB)
Facebook (30.226 curtidas)
Requião apresenta, dentre os três candidatos analisados, o visual mais poluído dentre todos no Facebook. Apesar da foto de perfil estar ok, com fundo azul neutro, no topo é usado um convite para um almoço que vai acontecer no restaurante Dom Antônio. Não houve uma preocupação em criar uma peça específica para o Face e a adaptação acaba passando um ar de desleixo.

A equipe de Social Media do candidato não interage com os internautas nas publicações e o descuido também é perceptível nas peças criadas. Ao invés de criar conteúdo específico, o conceito maior é o de jogar o link do site do candidato na publicação..

Muitas destas artes apresentam um foco direcionado em atacar o atual Governador do Paraná e adversário Beto Richa.

 

Foram oito postagens no Facebook no período analisado, sendo:
– Link da página do candidato atacando Beto Richa sobre os contratos com o Ibope;
– Link da página do candidato com matéria atacando Beto Richa sobre a questão do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Paraná;
– Link da página do candidato com matéria sobre a participação de Roberto Requião no evento Ciclo de Palestras no Sindicato da Indústria da Construção Civil do Paraná – Sinduscon;
– Convite para evento do candidato – almoço no restaurante Dom Antônio;
– Duas fotos do Ciclo de Debates no Sinduscon;
– Foto de popular eleitor do candidato Roberto Requião mostrando apoio com as marcações #EleitorDeVerdade e #Voto15;
– Arte com chamada para a entrevista do candidato no canal ÓTV;
– Vídeo com propaganda eleitoral do candidato.

O vídeo com propaganda eleitoral foi a publicação com o melhor desempenho deste período (177 likes).

requiaoOutras redes sociais
– Instagram (86 postagens, seguindo 439 perfis e seguido por 799)
Foram duas postagens no período analisado. Apesar de poucas, o conteúdo usado foi próprio da rede social e não reaproveitamento de informações do Facebook;
– Youtube – 365 inscritos
Foram quinze publicações durante o período analisado – material de campanha na totalidade.
– Google + (03 seguidores e 2.341 visualizações)
Nenhuma publicação durante o período analisado.
– Twitter (73,7 twittadas, está seguindo 903 perfis e com 46,2 mil seguidores)
Foram 19 publicações no período analisado. De longe, é a rede social mais ativa do candidato, uma vez que é ele próprio quem publica o conteúdo.

Opinião da equipe de Social Media da kakoi
Soraya Renfro observa que não há um cuidado com as redes sociais do Requião. “Falta padronização para que os eleitores identifiquem o candidato através da identidade visual, não há interatividade como é visto com os concorrentes” justifica.

Soraya aponta o Twitter como a rede social que ele mais usa, mas o maior problema é a falta de polidez e o uso indiscriminado de bloquear internautas quando fazem perguntas que ele não quer responder.

Conclusão
Tanto Gleisi Hoffmann quanto Beto Richa estão mais equilibrados nas redes, mas a candidata petista leva vantagem justamente na pontualidade e na originalidade das publicações durante o período analisado. Já Roberto Requião é o mais defasado dos três candidatos ao analisarmos a presença nas redes e no conteúdo apresentado.

Comentários Facebook