PROCURANDO ALGO?

Por Equipe KAKOI
em 15 de março de 2017 dentro de:
Comunicação, Tecnologia

Waze e Spotify se aliam e integram seus serviços em novo update dos apps

Se você já entrou em algum Uber e sofreu com o motorista tirando os olhos da pista para mexer no celular e alternar entre os apps do Waze e do Spotify – para consultar o trajeto do cliente e manter uma boa trilha sonora dentro do automóvel –, saiba que essa prática está com os dias contados. Isso porque as duas empresas resolveram se unir para permitir que seus aplicativos conversem naturalmente um com o outro, tornando o acesso a rotas e playlists mais fácil e rápido.

Com os softwares atualizados, o tocador de música via streaming passa a exibir as direções do Waze no topo da sua tela, ao passo que o programa de mapas e trânsito ganha uma versão reduzida do player musical dentro de sua interface. Enquanto o carro estiver em movimento, a dupla preza pela segurança do condutor, permitindo apenas que ele troque de faixas ou pause a canção sendo tocada. Quando o veículo parar, recursos como navegar pelas listas de reprodução e buscar artistas ficam amplamente disponíveis.

Claro que a novidade não tem uso restrito a motoristas particulares e profissionais da área, já que a integração entre os sistemas funciona como uma luva para qualquer um que gosta de fugir do trânsito curtindo suas músicas favoritas – o que representa uma boa parcela da população motorizada das grandes metrópoles. O que pode causar estranheza para os internautas mais atentos é o fato de a Google já possuir seu próprio aplicativo musical e de ele não ser agraciado com essa integração ao Waze.

O motivo para essa escolha, no entanto, é bem claro: com 50 milhões de assinantes, o Spotify tem uma base de usuários consideravelmente maior que a do Google Play Música – e superior à de qualquer outro concorrente da categoria, na verdade. Com isso, a Gigante das Buscas pode despertar o interesse de um novo público e trazer ainda mais pessoas para sua plataforma de localização. Por enquanto, o update dos apps só está sendo liberado para o Android, mas deve chegar muito em breve para aparelhos equipados com o iOS.

Fonte: TecMundo

Comentários Facebook