PROCURANDO ALGO?

Google Ads não vende pra você, te expõe.

Atendemos diversos clientes aqui na KAKOI que chegam até nós com um pedido:  vender mais. Todo mundo quer vender mais, e não há qualquer problema nisso, o problema é quando você acredita que apenas uma ferramenta vai fazer tudo por você. Antes de seguirmos com esse texto vamos deixar algo claro: quem vende é você, sua equipe, sua empresa e não qualquer ferramenta.

Uma queixa comum:

– Meu concorrente está fazendo anúncios Google e vendendo bem mais que eu. Quero também.

Parabéns, você está certo, é preciso estar na ferramenta que as pessoas usam para descobrir o fornecedor de produtos ou serviços, mas, acredite, não é isso que fará você vender mais, ao menos não mais para sempre, vou explicar.

Você tem uma baixa presença no Google e, a partir do momento que começa a investir da maneira correta na ferramenta, começa a aparecer, o telefone começa a tocar, o Whatsapp começa a receber mensagem, sua caixa de emails já tem trabalho e o formulário do site também tem tráfego. Quanto isso vale? Tudo. Ou nada. Depende do uso que você fará desta informação. Abaixo listo algumas coisas que o Google NÃO FARÁ POR VOCÊ, não adianta se iludir.

  • Atender bem o cliente – ele te mostra que há clientes, ele não atende por você.
  • Responder o cliente da maneira que ele quer ser respondido e de maneira ágil.
  • Apresentar-se ao cliente de maneira cortês e oferecer o melhor serviço.
  • Ter um produto bom com preço competitivo.

Não importa quanto dinheiro você coloque no Google, se você não faz as boas (e básicas) práticas de atendimento ao cliente. R$ 100 ou R$10.000 tem o mesmo retorno no final das contas – porque você irá perder dinheiro. Você até pode vender a primeira vez, mas não fideliza, ou seja, isso sai muito mais caro, porque além de perder o cliente, você ganhou um reverberador de notícias ruins.

Para não dizer que não falei das flores, vou listar algumas coisas que você deve fazer aliando anúncios Google Ads e Atendimento e que com certeza farão você vender mais:

  • Ter um atendimento de canais agilizado, por exemplo, se você deixa à disposição Email e Whatsapp responda diretamente por esses meios e em um período não maior que 5 minutos. Pode ser que você não consiga passar minúcias neste tempo, mas deixe o cliente confortável em esperar um contato maior.
  • Não mande o cliente fazer uma ação diferente do que aquela que ele já fez, por exemplo, se ele já falou com você por Whatsapp não peça para ele te ligar, na pior das hipóteses pergunte se você pode ligar, a pressa é dele, mas também sua.
  • Ajude o cliente. Vendo balas e meu cliente quer bombom, ok, não há nada que eu possa vender para ele neste momento, mas em um futuro próximo, quem sabe? Seja solícito, não custa nada.
  • Por fim, anuncie apenas aquilo que pode vender. Uma das regras mais básicas dos anúncios Google é fazer landing pages, espécie de sites direcionados apenas para o produto anunciado, do tipo, você vende geladeiras deve levar o anúncio para uma página apenas de geladeiras.

Finalizando, é importante entender que o cliente é dono do dinheiro e do tempo dele, não você. Sua empresa precisa vender e só vai se o cliente gostar daquilo que você está oferecendo e da maneira como você está oferecendo. Investimento em Google fará você aparecer e ser testado, mas quem vai vender de verdade é você.

Para você se conscientizar:

Segundo os últimos levantamentos do Google, 50% das pessoas que pesquisam um produto de uma loja física no celular vão até o estabelecimento neste mesmo dia. Além disso, a decisão de comprar ou não de alguém se dá nos primeiros minutos, então, chegar antes, responder primeiro, faz toda a diferença.

Pense nisso, capacite sua equipe, se movimente, assim o céu é o limite para suas vendas.

Comentários Facebook

 

VOLTAR

Por Ediney Giordani
em dentro de:
Anúncios Adwords, Boas Práticas